Eduardo Calil é doutor em Psicolinguística pelo Instituto de Estudos da Linguagem (UNICAMP, 1995) e Professor Titular da Universidade Federal de Alagoas. Fez estágios de pós-doutoramento no Institut des Texts et Manuscrits Modernes – ITEM (2003-2004), no laboratório de Modèles, Dynamiques, Corpus (MODYCO) da Université Paris Ouest Nanterre La Défense (2010), foi pesquisador-visitante do laboratório École, Mutations, Apprentissages da Université Cergy-Pontoise (2011 e 2013) na Harvard Graduate School of Education (2014) pelo Fulbright Scholar Program. Atualmente, lidera o Grupo de Pesquisa Escritura, Texto e Criação (ET&C), dirige o Laboratório do Manuscrito Escolar (LAME) e é pesquisador do CNPq (nível 1D). Seus interesses científicos situam-se em torno da alfabetização, da metodologia de ensino de língua escrita e dos processos de escritura em tempo real. Criou o Sistema Ramos (sistema para captura multimodal da escritura em tempo e espaço real, em situações ecológicas. Com apoio da Fapeal, coordena, desde 2014, o projeto InterWriting, envolvendo pesquisadores brasileiros, franceses e portugueses. Dentre suas publicações destacam-se o livro Escutar o invisível: escritura & poesia na sala de aula (UNESP/FUNART) e L’école, l’écriture et la création : Études franco-brésiliennes (L’Harmattan-Academia).